DBA: o que é?

junho 23, 2023 | por dbsnoop

Ele protege os dados limitando o acesso apenas àqueles que receberam permissão, garantindo a proteção de dados sensíveis. Além disso, o DBA é responsável por todo o sistema, realizando regularmente backups e defendendo o banco contra ataques prejudiciais.

O que é um Remote DBA?

Algumas empresas de tecnologia oferecem um serviço chamado Remote DBA.

Você pode solicitar a um grupo de administradores de banco de dados para monitorar seu sistema e realizar as tarefas normalmente executadas por um administrador de banco de dados remotamente, empregando um Remote DBA.

Uma solução de Remote DBA monitora seu sistema 24 horas por dia, protegendo seus dados e identificando possíveis problemas.

Dessa forma, você economiza dinheiro que seria necessário para contratar especialistas locais.

Para eliminar a necessidade de uma equipe maior e liberar o administrador de banco de dados de sua empresa para trabalhar em projetos mais importantes, você pode contratar um Remote DBA para lidar com todas as operações do banco de dados da sua empresa ou apenas uma parte da demanda.

Toda a informação que você precisa antes de contratar um DBA

Em primeiro lugar, você precisa procurar um serviço altamente especializado se deseja contratar um DBA, seja um único especialista ou um serviço de Remote DBA.

A maioria dos administradores de banco de dados possui uma formação técnica, como em ciência da computação ou engenharia de computação.

No entanto, devido à capacidade da internet de disseminar informações, agora é fácil encontrar um profissional qualificado sem diploma.

Nesse sentido, um teste técnico competente é mais valioso do que uma prova de títulos. Preste atenção ao perfil do seu candidato.

Como o funcionário terá que lidar com dados significativos e potencialmente sensíveis, a função de administrador de banco de dados vem com muita responsabilidade e coloca muita pressão sobre o profissional. Em seguida, determine se a pessoa possui as habilidades necessárias para lidar com pressão, expectativas potenciais e obrigações.

Dedique tempo para explicar precisamente a função do candidato na organização e a expertise necessária para fazê-lo antes de administrar um teste sobre seus conhecimentos técnicos.

Rejeitar candidatos que não têm conhecimento sobre o assunto e não estão relacionados ao trabalho desenvolvido em sua organização não é vantajoso.

Concentre-se na pessoa que mais se adequa à sua empresa. Considere contratar uma empresa de consultoria para esta posição se você ou sua equipe de RH não possuírem a expertise técnica para avaliar candidatos, alinhando com a equipe os requisitos do seu negócio e o que você procura em um futuro funcionário.

Leia mais artigos como esse em nosso blog.

Compartilhar:

Leia mais

pt_BR